Deu valor a quem não merecia?

Meninas! Dia desses recebi uma história de uma moça que fazia de tudo pelo namorado. Ela desmarcava qualquer encontro com as amigas por causa dele. Se ela estivesse no telefone e ele ligasse, ela desligava e corria pra atendê-lo. Saía do banho ensaboada pra atender o celular tocando. Mimava o cara tanto, mas tanto, que ele enjoou. Sim, isso mesmo! Ele enjoou dos carinhos em demasia, enjoou da disponibilidade dela, das declarações dela, do romantismo melado dela, enjoou até do arroz soltinho que ela cozinhava! Oi?

Ela me disse que esse homem tinha tudo que queria. Ela o amava incondicionalmente, cuidava dele como um neném e até brigou com a mãe por causa dele. É incrível como as mães têm uma intuição com os namorados das filhas, pena que ninguém as escuta! Rsrsrs…Aliás, você também tem a sua intuição, o seu sexto sentido, mas não dá bola porque acha que ele vai mudar. Ele é grosseiro, mas você vai conseguir transformá-lo. Ele é mulherengo, alcoólatra, casado, jogador, drogado…mas você acha que ele vai mudar por sua causa. E para conseguir isso, vocês acreditam que precisam AMAR e fazer o POSSÍVEL e o IMPOSSÍVEL pra agradar.

Meninas, cuidado! Não estou dizendo pra não serem carinhosas, mas jamais esqueçam o Primeiro, o Segundo e o Quarto Mandamento da Mulher Dominadora. Você NÃO pode esquecer de você! Você se queixa: “pôxa, eu dei valor a quem não merecia”, porque se esqueceu de dar valor a si mesma, flor! A vontade de amarrar o cara é tão grande, que você se esquece de você, do seu bem-estar e da sua dignidade. A primeira pessoa que você precisa valorizar é você mesma. Não tem jeito, homem se encanta com isso. Não só os homens, as mulheres também!

Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas . ligação permanente.

3 respostas a Deu valor a quem não merecia?

  1. Adriana diz:

    Eu reencontrei depois de muitos anos um antigo namorado pelas redes sociais e depois de conversarmos por vários dias decidimos nos reencontrar. Moramos em cidades diferentes e temos pouco tempo em virtude de trabalho, filhos do antigo casamento, etc. Eu acabei indo para a cidade dele para nos encontrarmos. Foi um final de semana maravilhoso, ele foi super atencioso, mas depois de umas duas semanas após o nosso encontro, as coisas foram esfriando.
    Ele havia me convidado para passarmos outro final de semana juntos, mas quando chegou na semana de nos encontrarmos desmarcou pela primeira vez, alegando compromissos no trabalho. Marcamos novamente e de novo ele desmarcou dizendo que estava doente. Então discutimos, pois eu fiquei muito chateada com a falta de tempo dele para estar comigo. Foi aí que ele disse que era melhor não continuarmos pois éramos muito diferentes e não iria dar certo. Eu acredito que ele não queria se envolver e a discussão foi um motivo para ele se afastar. Mas cada dia penso uma coisa diferente, por isso peço sua ajuda.
    Será que talvez eu tenha cobrado demais no começo e isso o assustou?
    Ele propôs que continuássemos nos falando, mas sem nenhum compromisso. Eu preferi me afastar. Eu agi certo?
    Você acredita que ele possa se arrepender e voltar a me procurar ou ele é um cafajeste que só queria relembrar o passado?

  2. Alessandra diz:

    Excelente!

Fala que eu te escuto!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s