Agora é tarde…

Meninas! Hoje resolvi mudar um pouquinho a maneira de escrever e fazer uma série diferente. Espero que vocês gostem!

“Você disse que não dava mais. Que ainda me amava, mas precisava de um momento sozinho. Terminou. Eu senti tanta saudade, mas tanta que até doía meu peito. A sensação de vazio era tão grande que você não deve ter ideia, não é mesmo? Eu sentia falta das mensagens, da sua preocupação, do seu cheiro, da sua presença e de mim mesma. Eu sentia falta da mulher que eu era com você. Depois que você terminou, eu não era mais “eu”. Eu parecia um zumbi, triste, vazia e sem rumo. Fiquei uns dias em silêncio porque estava em choque, mas esse período durou pouco.

Mandei uma mensagem para saber como você estava. Mas você não respondeu. Pensei que a minha internet estava com problema e você não havia recebido. Mandei mais três mensagens e fui dormir ansiosa. Não sabia o que estava acontecendo. Te via online no WhatsApp, mas você preferia me ignorar. Te via online no facebook, mas você não me mandava nada. Quantas mensagens eu te mandei querendo saber notícias, querendo sentir que eu, ao menos, FUI importante pra você. Mas a cada vez que você me ignorava, mais lixo eu me sentia. 

Eu tentei muito, até que um dia eu me cansei. Cansei de me sentir um fantasma, pois era assim que eu me sentia: uma sombra no escuro em sua vida. Eu não era importante, talvez tenha sido, mas agora não mais. Eu precisava me encontrar de novo, precisava resgatar a verdadeira mulher que sempre fui. Não foi fácil. A tentação de  ver como você estava foi grande, mas o medo de sentir o seu desprezo foi maior e resolvi ser dura comigo.

Dias e meses se passaram. Até que um “oi. Tudo bem?”chegou no meu celular. É claro que meu coração disparou, mas eu já tinha aprendido a “lição”. Você só queria saber se eu estava vivendo bem sem você. A sua vaidade queria saber se eu ainda estava sofrendo ou virado a página. Eu não iria cair na sua teia outra vez. Não respondi. Simples assim. Com a mesma frieza que você terminou comigo, com a mesma indiferença que você ignorava todas as minhas mensagens eu te ignorei. Sem sentimentos de vingança nem nada, apenas uma autoestima elevada e segurança de uma mulher que não quer sofrer outra vez…”

Cursos em áudio:

1) “Postura após término de namoro”(r$ 10,70)

2) “Aprendendo a ter “sorte” no amor (r$ 7,10)

Consultorias personalizadas, mandar email para: dominarumhomem@gmail.com

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

19 respostas a Agora é tarde…

  1. MCF diz:

    Tudooooo!!!!
    Clap clap clap

    Esse oi demora mas vem e temos que estar firmes e decididas! Amei
    Aconteceu comigo!! E na hora soube o que fazer!
    Tuas dicas valem ouro!!!
    Obrigada

  2. Leca diz:

    Pri! Estou vivendo mais ou menos isso. Uma pequena reaproximação do dito cujo! Mas estou com os pés no chão. Vim hoje pra falar de outras coisa. Acontece que eu conheci outro e estou saindo com ele. Uma banda que eu gosto mto vem tocar na minha cidade e ele me fez uma surpresa e comprou nossos ingressos. Achei fofo! Acha que devo dar uma chance?

  3. Isa diz:

    Bloqueei tudo, inclusive os em comum, mudei até o número de telefone, só restou o endereço de e-mail. Não tem mais jeito né?

  4. Lu diz:

    Texto perfeito Pri!!!

    Terminei, porque ele ficava curtindo as fotos de uma ex namorada nas redes sociais, apenas falei que não queria mais isso para mim e fui embora, agora ele curte tudo que a menina posta imediatamente, será pra me atingir???Bjs

  5. Tita diz:

    Boa noite pri!!!! Meu ex faz aniversario este mês , já estamos terminados mais ele mandou um feliz aniversário , minha dúvida é mando feliz aniversário pra ele , gosto dele ainda ele já está namorando outra pessoa att tita

  6. TB diz:

    Pri,
    Eu e o ex temos nos visto e conversado bastante. Ficamos algumas vezes – mas vai até onde eu quero, nada além disso. Ele já deu indireta de ir além, mas não quero nenhum envolvimento assim com ele enquanto não resolvermos tudo. Percebi que ele está inseguro com as minhas reações – que, por tudo o que houve, eu possa dar dois minutos e sumir de tudo. Ele puxa assunto, conversa, conta de coisas mundanas é literalmente não sumiu em nenhum momento. Ele tem sido sincero sobre como se sente e esperanças que tem de que nos acertemos e que possamos voltar.
    A pergunta é: preciso sumir? Pode parecer loucura, mas tenho medo das coisas escalarem rápido demais. Os sentimentos existem sim, para os dois, mas concordo com ele que tem muita coisa para lidar (eu particularmente tenho muita coisa para lidar) – eu to bem comigo, focada na minha vida e sinceramente não quero ser só “contatinho” de ex (mesmo que ele de todos os indícios desse não ser o caso, por ações e mesmo por palavras). Ele quer reconquistar minha confiança e vejo que tem realmente tentado, mas é difícil né? E quero tomar uma decisão racional, nao só “porque sinto”. Sofri pra caramba também e mudei muito, se eu agir igual antes seria um desrespeito com toda essa batalha que travei para melhorar.
    Acho que to agindo como um cara né? Fico e aí depois sumo hahahhaa caramba…

  7. Lilica diz:

    Mulher, tu é fofa demais. Se dedicar em passar em ensinamentos, é mto cuidado conosco. Um beijo gigante ♡

  8. Edinalva diz:

    Muito bom esse texto estou passando por isso,foi uma ótima lição😘

  9. Clara diz:

    Oii, Priii! Não tenho comentado muito mas sempre acompanho esse blog incrível, viu? Então, há 6 meses eu e meu ex terminamos numa briga e desde então não nos falamos. Ele mentiu muito pra mim, nosso relacionamento não começou bem por um vacilo meu, enfim… desde então nos vimos em alguns lugares e ele sempre fazia questão de passar na minha frente/me encarar de cara feia (coitado kkkkkkk). Nos ultimos 2 meses não tenho saído tanto, tenho ficado em casa pra me preparar p minha mudança de cidade. Até que essa semana, no finzinho de tarde, o porteiro me diz que o “Fulano” (nome dele) deixou um pacote p mim. Quando fui ver era um saco com um vestido que eu nem lembrava que tava na casa dele, uns brincos quebrados e 2 das cartas que eu fiz a ele. O que tem a ver a pessoa gastar o tempo dela me devolvendo coisa que eu nem faço questão? Se não quer, joga fora, né? Mas, obviamente, não sou besta, e acredito eu que ele fez isso p “xafurdar” a minha vida. Depois faz um post sobre o tema? Beijo, flor, te contei pq hj sinto que vc é uma amiga minha haha

  10. leila diz:

    Parece que você contou a minha história, do nada ele me esqueceu como se fosse um passa-tempo e agora não tenho mais valor. Juntei os pedaços para reconstruir uma mulher ainda mais forte e quando ele voltar não terá mais espaço, ja terei preenchido com meu amor próprio. Não e vingança é respeito pelos meus sentimentos coisa que ele não teve. Bjss

  11. Jade diz:

    Olá, Pri. O “oi, tdo bem?” ainda não veio. Já se passou um ano e meio e o baque foi tanto que tive que ainda estou me recuperando…Será possível que ainda ocorra? Bjos!

  12. Michele Lopes diz:

    Linda Pri
    Adoro que vc coloque textos assim e principalmente sua atenção em deixar o blog sempre atualizado com estes textos que geram reflexão e empoderamento em nossas vidas. Muito obrigada! !!

Deixe uma Resposta para comodominarumhomem Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s