Vamos aprender a observar?

Meninas! Às vezes a gente é pega de surpresa e, “graças” a essas situações super chatas e desconfortáveis, aprendemos e aprendemos. Hoje eu vou contar uma história real, que me marcou muito e me ensinou a observar, a perceber e a ficar atenta a todos os sinais que as pessoas nos dão. Vou trocar os nomes das pessoas para preservar a identidade delas, ok?

“Violeta era uma jovem que se casou muito jovem. Antes de se casar, muitas pessoas a alertaram que Zé nunca gostou de trabalhar, não pagava o aluguel, sempre estava com o nome sujo e era muito mulherengo. Porém, em nome da cega paixão, ela engravidou e se casou sem pensar muito no futuro. Logo, o futuro se tornou um inferno na Terra. Violeta se matava de trabalhar na máquina de costura para sustentar, sozinha, seus 4 filhos e o marido ausente. Contas atrasadas, ordens de despejo, filhos cobrando atenção e o marido na rua com a amante.

Zé mantinha um caso com uma antiga namorada desde que namorava com Violeta. Ele dava muitos sinais que não era fiel. Vivia na rua até tarde, sempre sem dinheiro, era muito ausente… mas Violeta não observava ou fingia que não via.

Um dia, ela descobriu tudo: a amante bonita, bem cuidada e a casa que o marido usava para se encontrar com a moça. Violeta entrou em desespero, pediu a separação e saiu feito louca atrás de um outro homem para substituir o atual ex-marido.

E nessa busca impensada encontrou Pascal. Um homem 8 anos mais jovem, que não tinha emprego, sem filhos, separado, que vivia em bares e que estava a procura de uma mulher para se encostar. Pronto. Em menos de seis meses, Pascal já estava morando com ela.

Violeta, outra vez, repetiu a mesma história. Se juntou a um homem que não gostava de trabalhar, mulherengo e ausente. Pascal não saía muito de casa não, mas vivia no computador. Dizia estar trabalhando, mas nunca tinha dinheiro. Ele se enfiava em seu quartinho-escritório e ficava conversando com mulheres nas salas de bate-papo. Passava as madrugadas teclando, enquanto Violeta passava o dia inteiro sentada, costurando. Ela havia se acostumado àquilo que era ruim e não pensava que era merecedora de algo melhor, aquilo ali tava “bom”.

Pascal, que não era de sair, saiu de casa. Foi viajar. Oi? Sim, isso mesmo. Passou o feriado todo no interior, disse que era um trabalho e Violeta acreditou. Até perfume e roupa nova comprou. Chegou em casa com a cabeça distraída e logo se enfiou no computador. Depois de uma semana, outra viagem. Foram três viagens até Violeta descobrir tudo: a amante bonita e bem cuidada que Pascal arranjara na Internet.

Choro, gritos, brigas… os filhos de Violeta, que já eram adultos, tomaram as dores da mãe e expulsaram Pascal de casa. Ele foi morar com a amante no interior e não deu mais notícias. Poucos meses se passaram e Violeta voltou com Pascal. Sim, ela se mudou para o interior com ele porque a amante não aguentou sustentá-lo e foi embora. Violeta, que sempre foi muito carente e não queria ficar sozinha de jeito nenhum, largou tudo e foi atrás de Pascal.

Um ano e meio se passou e o cenário era o mesmo: Violeta trabalhando e Pascal vagabundeando. Um dia, Violeta começou a se sentir mal e foi para a capital fazer exames. Uma doença terrível tomava conta de seu corpo acabado e cansado de tanto trabalhar. A primeira coisa que Pascal fez ao saber da doença dela foi levá-la para a casa do filho mais velho. Disse que não tinha condições de cuidar dela e que precisava trabalhar. Violeta morreu em seis meses, com dores, abandonada, amargurada e sozinha.

Pascal está casado com uma mulher que trabalha e “faz de tudo” por ele, assim como Violeta fazia.”

Gente sem caráter tem de monte por aí. Mas cabe a você observar, aguçar a sua percepção e não permitir que um homem feito Pascal entre na sua vida e, se entrar, expulse.

Cursos em áudio:

  1. “Postura após término de namoro” (r$ 10,70)
  2. “Aprendendo a ter ‘sorte’no amor”(r$ 7,10)
  3. “A importância da energia” (r$ 9)

Consultorias personalizadas, mandar email para: dominarumhomem@gmail.com

Como transformar a inveja em algo positivo, que vai mudar a sua vida, veja aqui.

 

 

 

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

17 respostas a Vamos aprender a observar?

  1. kessinha rulkinha diz:

    Com certeza essas pragas n dão valor a ND ainda s fazem d vítima kkkk vê s pode ….ei flor meu imail sobre um conselho q pedi até hj…por favor ,n quero ND com aquilo n …mas só um concelho, tomei nojo…

  2. Cleo diz:

    Oi flor, estou vivendo um grande impasse no meu relacionamento. Estou sentindo meu namoro acabar. Ele ele anda me falando coisas horríveis, como que não gosta mais de mim, que quer terminar, que não sente prazer em mim, mas isso tudo acontece quando não faço as coisas que ele quer. Porque dá pra ver claramente que ele gosta de mim, pois cuida, e carinhoso e mesmo nisso tudo não termina nosso relacionamento. Homem não pensa mas essas palavras machucam tanto, e a cada dia vou me tornando uma pessoa mais insegura, querendo ver o celular essas coisas que nós fazemos. Como posso reverter essa situação?

  3. Nathalia diz:

    Pri

    Briguei feio pela primeira vez com meu ficante/namorado e não to sabendo como agir.
    Resumindo: ele atrasou pra me pegar na parada e aquilo me deixou bem irritada (nunca me irritei com ele antes ou fui grosseira). Quando ele chegou, fez gracinha pra eu não ficar chateada e eu não consegui me segurar.. briguei, cobrei, fui grossa e aumentei meu tom. Ele ficou ‘chocado” e não falou mais comigo. Depois que esfriamos a cabeça, chamei ele pra conversar e me desculpar.. ele disse que ok mas que não ia conseguir voltar a ser o que era comigo. Hoje pela manhã (hoje é aniversário dele) acordei ele antes de ir pro trabalho e me desculpei de novo, disse que sentia muito e não foi minha intenção, que fiquei nervosa.. ele disse que tudo bem. Mas continuou a mesma coisa comigo, sem muito papo, sem beijo e super frio.. sempre me leva até a parada e hoje disse que não queria.
    O que fazer? Como não ter medo de perdê-lo (ele é maravilhoso, nunca brigamos) e como levar essa situação? Ele é orgulhoso, já terminamos uma vez ano passado por bobagem e ficamos 1 ano separados.. agora que estava tudo indo muito perfeitamente acontece essa bobagem de novo.. o que pensar pra não me sentir tão mal?

    • Nathália

      Todo mundo erra… vc se arrependeu e já se desculpou, chega. Deixe ele quieto e continue indo sozinha pegar o ônibus, se for perigoso, peça para alguém da sua casa te acompanhar.
      Bj
      Pri

      • Nathalia diz:

        Muito obrigada! Realmente, dei um tempinho e ele voltou ao normal comigo.. quis conversar e disse que se colocou no meu lugar, me entendeu e pediu pra não me preocupar mais com isso. Bola pra frente 🙂

  4. Perdida diz:

    Boa tarde!! Sempre vejo seus textos e escuto seus aúdios e estou precisando de sua ajuda.
    Meu caso é um pouco diferente. Namorei por 5 meses e desde os 2 meses ele me perguntava sobre conhecer meus pais. No ínicio disse q ainda era cedo e ele n concordava. Na segunda vez q ele perguntou se eu já tinha falado para meus pais q estava namorando e eu disse que não tinha falado ainda, ele ficou bravo e brigamos. Conversamos e voltamos. Eu disse q iria marcar. Só que eu n marquei e não falei mais nada. Isso aconteceu duas vezes
    Teve um batizado do filho do meu primo e comentei com ele q eu tinha q ir. Ele n falou nada. Só que teve um dia q ele me ligou dizendo q n estava conseguindo fazer um exercício de braço e eu de forma carinhosa, como sempre tratei ele e ele tb me tratava, disse q ele tinha parado de emagrecer. Senti q ele n gostou e perguntei se ele tinha ficado chateado. Ele disse q não mais percebi que sim. Pelo whatsapp perguntei e ele veio com 7 pedras na mão. Disse q se era para eu ficar controlando a comida dele q ele preferia ficar sozinho, que até parece q eu tinha um corpo perfeito para ficar falando. Fiquei chateada e n respondi. No dia seguinte ele n falou comigo e nem eu com ele. No outro dia mandei mensagem e ele disse q gostava de mim mas queria ficar um pouco só, que eu n ter chamado ele para o batizado tinha sido a gota d’água p ele.
    P variar eu começei a mandar mensagens p ele, tentando explicar. Só que ele diz q demora para tomar as decisões, mas qdo toma n volta atrás. ( ele sempre me falou isso qdo falava de conhecer meus pais ), que as pessoas só dão valor qdo perdem, q não queria mais, que já tinha decidido.
    Na última mensagem q mandei ele disse q iria pensar, mas nada até agora. Sempre q mando mensagem, ele responde, seco, mas responde.
    Ahh..mandei mensagem de Natal (sei q não deveria).mas só mandei uma imagem e ele me respondeu logo me seguida, dizendo feliz natal para vc e sua família tb.
    Eu ia apresentar para os meus pais, mas o meu pai tinha brigado com minha mãe e o clima lá em casa n estava bom. Resolvi esperar um pouco, mas errei em n comentar c ele.
    O que vc acha disso?

    • Perdida

      Acho que ele é um imaturo, cheio de frescura e que não sabe o q quer da vida. Vc não tem culpa de nada, flor. Deixe ele quieto q ele volta.

      Bj
      Pri

      • Perdida diz:

        Pois é Pri. Tb acho imaturidade e ele tem 42 anos e eu tenho 44. Não somos mais crianças. Nesse período ele sempre foi presente, fazendo planos p fds e até de morarmos juntos. Por isso ele ficava bravo por eu n apresentar meus pais. Dizia q eu n queria o mesmo que ele.
        Agora n pára de postar foto no facebook. Indo na praia c amiga. Passeando de bicicleta com outra mulher. Já não olho mais o face dele. Parei de seguir. N sei se ele está fazendo isso p me espetar. Achei mto imaturo.
        Ele é mto orgulhoso, sinceramente n sei se ele volta a me procurar não. Vc acha q sim?

  5. Tamara diz:

    Pri você é demais, estou passando uma fase complicada, imagine só namorando anos, do nada ele terminou tudo, não entendi nada… ficou muitos meses atrás pedindo perdão, mas que ele tinha mudado muito. E realmente el mudou pri, no fim do namorado chegava bebado em casa, sendo q nunca foi de beber, vivia com uns amigos estranhos e td mais. Não era mais o cara de caráter que eu havia conhecido. Enfim, eu comecei desconfiar que ele tinha terminado por causa de outra, e pior que ele negava sempre. Dois meses depois assumiu a outra, Pri do céu, aí vieram me contar quem trabalhava com os dois, ele usava droga junto com ela, estava com ela fazia meses. Que HUMILHAÇÃO!
    Sofri pra me recuperar, mas eu consegui, estou 80%, minha vida foi pra frente em muitas partes, mas acontece que falta 20% pq me REVOLTA duas coisas, a primeira ele me trocar por uma qualquer que era ate noiva ant s dele e fica usando drogas com ele, ele me tratou como se eu fosse um lixo. E segundo porque ele está bem e não pagou nada do que me fez, eu podia ter pra prejudicado ele de varias formas, mas não fiz nada porque esperei Deus colocar a mão nele, mas parece que ele no lugar de colher o que me fez de ruim está bem entende? E isso me atrapalha pq eu tento não pensar mas me causa muita revolta. Você tem algo pra me falar?

  6. umasereia diz:

    E quando o atual te compara com a ex, devemos nos impor ? oque devemos dizer ?

  7. bruna diz:

    pri namorei durante 2 anos e 6 meses nesse tempo ele terminou comigo 4 vezes, e eu sempre aceitava ele de volta, ate q da ultima vez q ele veio atras resolvemos mudar oq tava nos atrapalhando, ficamos 2 meses e só eu mudei só eu dei o meu melhor e ele nda, sempre fazendo as mesmas coisas, ate q um dia do nda ele terminou comigo dizendo que nao tava mais feliz, q nao tava satisfeito, que nao enxergava eu e ele no futuro, que ele sabia q eu n tinha mudado (em questão de confiança e tals) q dessa vez nao tinha volta, só q Deus e eu sabemos o quanto eu mudei.. no dia seguinte ele disse q iria trazer minhas coisas mas nao trouxe e eu tbm nem cobrei, passou 15 dias do término sem nos falarmos nem nda, ele chegou na minha casa com as minhas coisas, perguntou se eu tava bem, mas tudo isso sem olhar pro meu rosto, sempre olhando pro chao, e eu agindo como se nda tivesse acontecido, ele devolveu a camiseta que eu dei pra ele de natal, disse q nao conseguia usar ela, nao demorou nem 10 minutos ele foi embora, esse tempo todo ele ficava desviando o olhar, pri ele sabe oq ele perdeu ne?? eu sei q eu nao perdi nda, migalhas nao é comigo. mas ainda gosto dele, é dificil.

  8. Perdida diz:

    Oi Pri,
    É normal um cara terminar e em 1 mês já estar com outra? Não está nada declarado pelo facebook não, mas dá para notar q está com outra.
    Sou aquela pessoa q ele terminou pq eu n apresentei ele para os meus pais. Ele falou q conversaria comigo e não conversou. Acredito q tenha conhecido ela nesse meio tempo q terminamos, pois n vi nenhuma curtida dela e nem dele no face dos dois enquanto estávamos juntos. Ela mora no mesmo bairro que ele.
    Sei que não devia, mas mandei um msgem p ele dizendo q td tinha sido uma mentira, q ele tinha sido rápido, já estava com outra. Que ele n valorizou meu companheirismo, …..
    N aguentei e mandei.

  9. Anónimo diz:

    Conheci um carana academia. Ele sempre me pergunta se eu vou sair ou se farei algo no final de semana e fica por isso só. Perguntei se ele fez algo no domingo levei um silêncio. Fiquei chateada e como não sou de joguinho falei : vc me respondeu no domingo? Ele disse: não. Então pq deveria te responder agora? Ficou mega sem graca e triste pois percebi na hora. Eu gosto dele mas sabe qnd vc n tem mais paciência. Toda quinta ou sexta me pergunta o que vou fazer e nada de atitude! Ja mostrei que nao sou mulher de brincadeira. Melhor deixar ele partir , ne? To bem cansada

Fala que eu te escuto!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s